quarta-feira, 2 de maio de 2012

VÍDEO: Inauguração "Espaço Comunidade" Poeta: Isac. Poesia: Inaugural


Poesia: Inaugural
Poeta: Isac Andrade

O branco do papel me enche de esperanças
De fazer uma coisa nova
Uma coisa original
Ou mais do mesmo

Se bem que fazer sempre é criar
Não existe refazer
Só fazer
Porque o caminho sempre é novo

E da medo do novo
Frio na barriga
Sensação nova
Que nos instiga a fazê-la passar

Precipito para o novo
Como quem vertigina hipnotizado pela livre queda da liberdade
Pois o passado é virtual,
O futuro é promessa
Então
Vivamos o hoje
Demos viva ao hoje
Demos vida ao agora.


Isac Andrade
15/01/2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisar